O rótulo para a Economia Circular

A atividade da ADENE no âmbito da economia circular iniciou-se em 2017, numa parceria com o ISA – Instituto Superior de Agronomia para a concretização do projeto CERTAGRI, um projeto que permitiu definir os requisitos necessários para a conceção de um sistema integrado de Rotulagem da Eficiência Hídrica e Energética dos setores produtivos nacionais, apoiado pelo Fundo Ambiental. Estabeleceram-se assim as bases para o desenvolvimento de metodologias de avaliação e classificação de práticas de gestão das empresas orientadas à transição para uma economia circular, procurando aumentar a eficiência energética, hídrica e de circularidade em toda a cadeia de valor.

O conhecimento adquirido durante o desenvolvimento do CERTAGRI permitiu, em 2019, estabelecer uma metodologia experimental para um Rótulo para a Economia Circular, um sistema de rotulagem integrado de eficiência energética, hídrica e do uso de materiais, primeiramente orientada para a cadeia de valor do arroz.

No final de 2020, a ADENE avançou para o desenvolvimento e operacionalização de um sistema de certificação da economia circular mais abrangente e de aplicação transversal a diversos setores da atividade industrial. Atualmente em fase de conceção e teste, este sistema visa uma avaliação integrada e baseada numa metodologia de aplicação universal, facilmente adaptável a diferentes fileiras. O objetivo será de, em 2022, lançar este novo instrumento de avaliação que dê ainda maior tangibilidade ao conceito de economia circular e contribua para a sua crescente adoção no dia a dia das empresas e da sociedade em geral.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email