EMB3Rs – Promoção das melhores práticas na gestão de energia e circularidade de recursos na indústria

A ADENE, em conjunto com 15 instituições europeias, é parceira do projeto EMB3RsUser-Driven Energy-Matching & Business Prospection Tool for Industrial Excess Heat / Cold Reduction, Recovery and Redistribution, que dinamiza simbioses industriais de aproveitamento de energia térmica. Liderado pelo INEGI – Instituto de Ciência e Inovação em Engenharia Mecânica e Engenharia Industrial, este projeto tem como principal objetivo o desenvolvimento de uma plataforma de simulação de cenários de recuperação e reutilização do excesso de calor e frio industrial.

A promoção de simbioses industriais, através da reutilização de calor, potencia o aumento da circularidade de recursos e da eficiência energética dos sistemas industriais e urbanos. Assim, a sinergia entre unidades com excesso de calor e/ou frio com outros utilizadores de energia beneficia ambas as partes da comunidade industrial, permitindo a implementação de soluções win-win.

Alguns casos de estudo do projeto vão centrar-se na análise dos vários cenários de aproveitamento de excesso de calor/frio, nomeadamente para a produção de eletricidade, aquecimento ou reintrodução no próprio processo produtivo. Estima-se que, em determinadas situações, o reaproveitamento de recursos térmicos, possa contribuir para se atingir uma redução de até 50% da utilização de gás natural em redes urbanas de calor e frio, diminuindo o seu consumo energético e de emissões poluentes.

Enquanto parceira do EMB3Rs, a ADENE lidera os trabalhos do Work Package 4 – Platform Demonstration, cujo objetivo é a avaliação do desempenho da plataforma EMB3Rs em condições operacionais reais, acompanhando as principais etapas do processo de modelação e simulação de cenários. Para além disso, tem também a seu cargo a Tarefa 4.7 Overall Platform Functionalities in Super-User Mode, um caso de estudo que irá procurar caracterizar a oferta e procura de calor/frio a nível nacional, identificando possíveis sinergias entre fornecedores e utilizadores.  Esta análise deverá contribuir no apoio ao desenvolvimento de políticas de promoção de eficiência energética, a nível nacional e local.

O EMB3Rs teve início em setembro de 2019 e terá a duração estimada de 36 meses.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email