Emitidos os primeiros Vale Eficiência

O programa Vale Eficiência já recebeu 4.350 candidaturas e emitiu os primeiros 368 vales, anunciou o Ministério do Ambiente e da Ação Climática. O programa Vale Eficiência, do Fundo Ambiental com o apoio da ADENE e DGEG tem por objetivo combater a pobreza energética através da atribuição de um vale, no valor de 1.600 euros (com IVA), às famílias beneficiárias da tarifa social de energia. Os distritos com maior número de vales atribuídos são Porto, Lisboa, Braga e Setúbal.


O programa de apoio Vale Eficiência apoia as famílias beneficiárias da tarifa social de energia para a renovação e melhoria do desempenho energético das suas habitações. Os beneficiários que já estão na posse do Vale Eficiência podem agora selecionar um dos 102 fornecedores já inscritos na listagem pública do Fundo Ambiental. Cada beneficiário pode selecionar um fornecedor para executar as obras de substituição de janelas, instalação de isolamentos térmicos ou de sistemas de aquecimento e/ou arrefecimento, entre outras melhorias previstas.
O Programa Vale Eficiência foi lançado no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência, contando com uma dotação total de 162 milhões de euros, distribuídos até 2025 por um total de 100 mil famílias. Para este ano, está prevista a entrega de 20 mil vales, representando uma verba de 32 milhões de euros.


Mais informação sobre o programa Vale Eficiência está disponível no site do Fundo Ambiental.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email