ADENE lança nova marca “CLASSE+” de etiquetagem energética de janelas

07/12/2017

Escolha do consumidor mais fácil e eficiente

A ADENE – Agência para a Energia criou uma nova marca de etiquetagem energética voluntária de janelas, iniciativa que visa permitir aos consumidores uma escolha mais informada e vantajosa em termos de eficiência energética, valorizando ao mesmo tempo as empresas fornecedoras que aderirem à etiqueta, pois vêm os seus produtos reconhecidos no mercado.

Logo Classe+A nova marca, denominada “CLASSE+. A eficiência tem classe”, representa, segundo Paulo Santos, responsável pela área de Etiquetagem Energética na ADENE, “uma nova fórmula mais fácil de os consumidores saberem quais as janelas mais eficientes e com as quais poderão poupar energia e ganhar em conforto”, acrescentado que “assim se evita ainda que as pessoas tenham de lidar com um «jargão técnico» que não é facilmente entendível para a maior parte dos consumidores”.

Aspeto importante desta iniciativa é adesão pronta dos principais fabricantes de janelas à nova marca de etiquetagem. Para João Gomes, presidente da ANFAJE – Associação Nacional de Fabricante de Janelas Eficientes, esta forte adesão inicial constitui “um claro sinal de envolvimento e empenho das empresas do setor, garantindo-se, assim, uma rápida incorporação e afirmação no mercado da etiqueta energética de janelas CLASSE+”. Acresce que a etiqueta é também uma forma de assegurar a responsabilização das empresas, pois está sujeita a um processo de verificação de qualidade, servindo como um instrumento de vigilância do mercado.

Para a ADENE, a questão da eficiência das janelas é vital para um bom desempenho energético dos edifícios, como é comprovado pelo facto de nos 1,3 milhões de certificados energéticos de casas emitidos em Portugal, se ter verificado que existiam perto de um milhão de janelas que deveriam ser substituídas por outras mais eficientes. Caso essa substituição se verificasse, tal poderia significar mais de 5 milhões de euros de poupança de energia por ano para as famílias, para além de uma enorme melhoria do conforto da habitação e da saúde dos seus ocupantes.

Aliás, segundo os resultados de um recente estudo de opinião realizado junto dos consumidores, a substituição de janelas é a condição de melhoria mais concretizada pelos proprietários ou arrendatários que solicitam o Certificado Energético das suas casas.

Refira-se que a substituição de janelas e aplicação de isolamento nas paredes e coberturas das casas é um bom investimento e pode ter enormes vantagens para os proprietários dos edifícios: cada euro investido na melhoria destes elementos pode traduzir-se em ganhos até 1,5 euros ao final de 10 anos ou até 3,7 euros ao final de 25 anos.

Os benefícios proporcionados podem ser diretos (poupança de energia) e indiretos (mais conforto e menos gastos de saúde) e de valorização de património (aumenta valor de venda ou de arrendamento do imóvel).

Sobre as empresas pioneiras CLASSE+
Foram 19 as empresas que aderiram, desde a primeira hora, à etiquetagem energética de janelas CLASSE+, a saber (por ordem alfabética): Alunik, BenePVC, Caixiave, Caixilour, Cidade PVC, Deleme Janelas, Eurocaixilho, Extrusal, My Window, Kommerling, Preference, Rehau, Reynaers, Salamander, SAPA, Serralharia Estrela, TAFE, Tagus PVC e VEKA.

www.classemais.pt

 

Versão em pdf

 

Informações adicionais:

Lift Consulting - 214 666 500
Anabela Pereira
Joana Branquinho

 

Mapa do Site